​O São Paulo está praticamente livre da luta contra o rebaixamento. Com 45 pontos, a equipe já começa a pensar em uma possível classificação para a Libertadores por conta do bom segundo turno. Tendo diversos reforços - como Marcos Guilherme e Hernanes - e com a chegada do treinador Dorival Júnior, o time é o terceiro melhor da segunda metade da competição, com 26 pontos, atrás apenas de Botafogo e Cruzeiro.

A quinta rodada da Liga dos Campeões vai pegar fogo! Isso porque vai rolar Juve x Barça, Sevilla x Liverpool e Dortmund x Tottenham! Não quer perder? Então, clique aqui e assine o Esporte Interativo Plus apenas R$ 9,90/mês! Dá só R$ 0,33/dia!


"Se a gente começasse com essa equipe desde o início do campeonato, com tudo certinho, a gente iria brigar pelo título, pelos nomes que têm, pela qualidade do elenco. Tenho certeza que se tivesse desde o começo, estaríamos brigando por coisas maiores. Não somos melhores, mas não somos piores (do que o Corinthians). Sem dúvida a gente não deixa nada (a desejar)", garantiu ao Fox Sports.

Para o camisa 23, o Tricolor, inclusive, pode pensar em ter um bom 2018 caso a base da equipe seja mantida para a próxima temporada. "Confio muito porque dá para ver a evolução da nossa equipe. Agora realmente tem pegado entrosamento maior. Sem dúvida que com os jogadores que chegarem para o ano que vem, e com base mantida, podemos pensar em coisas grandes", garantiu.

O próximo jogo do São Paulo será diante do Grêmio, no Rio Grande do Sul, quarta-feira (15), pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe tem 45 pontos, enquanto o Sport, primeiro na zona de rebaixamento, está com apenas 36. Já o primeiro time na zona de classificação para a Libertadores é o Flamengo, com 50.