No início da temporada, uma das grandes surpresas no elenco do Inter foi o atacante Brenner. O jogador, que soma 13 gols neste ano, teve um início arrasador com a camisa colorada e aparentava ser o dono da linha de frente do clube gaúcho.


Bra​sileirão séries C e D, Champions Cup, eSports, e muito mais. Garanta a programação do Esporte Interativo por R$ 9,90. Assine aqui!


No entanto, assim que Guto Ferreira assumiu o comandando técnico, o camisa 38 perdeu espaço e deixou até de ser relacionado para algumas partidas. Nesta Série B, participou somente de dois jogos: entrou no decorrer do duelo com o Paysandu, quando o técnico ainda era Zago, e foi titular diante do Figueirense, mas substituído na segunda etapa.


Naturalmente, pelas lembranças que têm do bom início do atacante, os torcedores se questionam o porquê da ausência de Brenner nos jogos recentes. E após a partida diante do Santa Cruz, Guto Ferreira explicou.


"Preciso de jogadores competitivos. Até a saída do Nico, era um jogador muito leve. O Brenner jogou contra o Figueirense e faltou competitividade. Ele trabalha para mostrar isso. O Cirino compete bastante, briga. Na Série B, é preciso competir".


O Inter se reapresenta na tarde desta segunda-feira (19), já mirando a partida diante do Paraná, nesta terça-feira (20), no Beira-Rio. A tendência é que Guto mantenha a linha ofensiva que encarou a Cobra Coral, e que Brenner fique como opção no banco de reservas.


Banner

​Assine aqui por R$ 9,90!