Blogs

#11 O meu futebol da quarentena - Isabela Pagliari

Avatar del

Por Isabela Pagliari

Hoje completam 12 dias de quarentena obrigatória na França, 12 dias de sol consecutivos em Paris (o que é uma bela ironia em uma cidade que faz muito frio e chove com frequência) e 12 dias que não saio de casa. 

Só pra deixar claro: iniciar o texto com o número de dias de confinamento virou tradição, espero que entendam.

Como já era esperado, a França prorrogou a quarentena por pelo menos mais duas semanas. Ou seja, até dia 15 de Abril seguiremos nesses mesmos padrões: casa, casa, casa, supermercado, farmácia se necessário e exercícios físicos na rua por uma hora ao dia e tudo isso com um atestado impresso.

Entre trabalho, leitura, atividades físicas, violão, FIFA, eu me rendi ao Big Brother Brasil. Sim, enlouqueci (também pensei isso). Me julguem! Estou vidrada e é o meu novo futebol. 

Se não fosse a escala de trabalho, meus dias da semana seriam tranquilamente baseados com prova do líder, paredão, eliminação…

Analisando friamente a situação, eu encontro uma resposta plausível para o cenário atual: estamos carentes sem futebol - E eu falo no plural mesmo, porque nessa barca, não estou só. Em tempos difíceis, qualquer entretenimento que te faça vibrar e debater com os amigos, precisa ser compreendido.

Aqui na casa onde faço a quarentena, consigo assistir os canais do Brasil. Depois de acompanhar esporadicamente alguns vídeos nas redes sociais, muitos mêmes e tuítes sobre o assunto, pensei «  deixa eu ver uma coisa aqui » . E não é que me ferrei bonito?

O auge desse momento « viciada em BBB » foi domingo passado (22). Se eu pudesse rever a cena das 3 da manhã (domingo para segunda aqui), seria algo entre patético e hilário.

Era uma prova de bate-volta do paredão que mais parecia uma disputa de pênaltis - todos aqui tensos (éramos 5 pessoas acompanhando na madrugada). Aos 45 do segundo tempo, quando Felipe Prior pegou o bastão da prova que o tirava do paredão, e deixada Daniel, ficamos eufóricos! Para deixar ainda mais dramático o suspense, o cara mandou essa « minha mãe mandou eu escolher esse daqui… ». Parecia gol do Brasil em Copa do Mundo, eu não estou brincando. Em Paris, pelo horário, a comemoração foi mais contida.

Você que não esta acompanhando e acha isso ilógico, é porque ainda não viu o grupo dos meus amigos apostadores de futebol olhando as cotas para o campeão do BBB. 

Seguimos fechados em casa igual o pessoal do Big Brother, pelo menos até o dia 23 de Abril (dia da final), meu « futebol da quarentena » está garantido.

Até o próximo paredão hahahaha.

Beijos Isa

  • correspondentes em quarentena
Comentários