Blogs

Benzema não errou só com Vini Jr

Ao optar por não tocar mais a bola ao brasileiro, o francês também desrespeitou a opção de Zidane em manter o jogador como titular

Por Taynah Espinoza

Benzema conversa com Mendy sobre Vinicius Jr, em francês, pro brasileiro não entender

Benzema conversa com Mendy sobre Vinicius Jr, em francês, pro brasileiro não entender

“Ele tá brincando. Irmão, não joga com ele, pela vida da minha mãe. Ele tá jogando contra a gente”. Essas foram as frases de Benzema pra Mendy, em francês, quando o Real Madrid voltava pro segundo tempo contra o Borussia Monchengladbach pela Champions League essa semana. O “ele” em questão era Vinicius Jr, que, de fato, fazia uma partida muito ruim até ali.

Mesmo assim, Benzema mandou mal demais nessa. E por alguns motivos.

Primeiro porque falou na frente do Vinicius Jr, mas em francês, justamente pro brasileiro não entender. Segundo que, com a vivência que tem de anos e anos no futebol, sabe que do vestiário pra fora, pode ter câmera pra todos os lados. Naquele lugar onde ele conversou com Mendy, sempre tem câmeras da UEFA pegando a saída dos atletas do vestiário. Ou seja, não só falou na frente do Vinicius numa língua que ele não entende como expôs o garoto, mesmo que sem querer.

Mas o mais grave disso tudo, pra mim, é que Benzema ignorou o trabalho de Zidane. Se o treinador teve a possibilidade de tirar Vinicius e não optou por isso, Benzema preferiu ignorar a vontade do comandante e fez uma combinação individual com Mendy (e até, quem sabe, com outros atletas também). O que significa que, mesmo que Zizou tivesse conversado com Vinicius e que o jogador voltasse melhor pro jogo, ele não teria as mesmas possibilidades já que o próprio companheiro preferiu fazer boicote.

Se isso é comum no futebol, não sei. Talvez seja. Mas ser comum não significa que está certo. O erro de Benzema desrespeitou não só Vinicius Junior, mas principalmente a estratégia que Zidane provavelmente pensou e que Benzema estava disposto a ignorar.

Comentários