Blogs

Kobe brilliant

Heaven Jam! Kobe Bryant foi um dos maiores de todos em todos os esportes pela paixão de querer sempre ser o melhor naquilo que fazia com prazer de criança

Por Mauro Beting

Caro Kobe,
Adaptando o que você escreveu quando parou de jogar basquete:
Um amor tão profundo que quem gosta de esporte se dá por inteiro.
Da mente e do corpo
Ao seu espírito e nossa alma.
Como um garoto de 53 anos
apaixonado por você
Eu nunca vi o fim do túnel.
Eu só me via
Saindo de um, na corrida.
Eu não sou você. E nem te conheço tanto. Mas reconheço quando alguém joga enfrentando suor e dor
Não porque o desafio te chamou.
Mas porque o esporte te chamou.
Você fez tudo por ele. Nem mesmo por você.
Por tabela, ali perto dela ou lá da linha de três, é isso que você faz
Quando alguém faz você se sentir
Tão vivo quando fez comigo e como o basquete fez por você.
Como fez ainda mais por seus fãs como o meu filho e meu enteado.
O basquete deu a um garoto de seis anos seu sonho Laker. Você deu pesadelos aos rivais de todas as idades.
Mais do que isso, você deu o que é mais difícil conquistar. Mais do que suas tantas vitórias: você ganhou respeito geral do esporte. Não apenas o seu.
E eu sempre vou te amar por isso. Como você sempre amou o esporte que fez o sonho virar tão real por 20 anos que pareceram tudo isso um delírio. Mas é tudo você.
Kobe escreveu ao PLAYERS TRIBUNE há pouco mais de 4 anos: "Eu não posso mais amar você tão obsessivamente.
Esta temporada é tudo que tenho para dar
Meu coração pode aguentar as batidas
Minha mente pode lidar com a rotina
Mas meu corpo sabe que é hora de dizer adeus.
E tudo bem.
Estou pronto para deixar você ir
Eu quero que você saiba agora
Para que nós dois possamos saborear cada momento que ainda nos resta.
Os bons e os maus.
Cada um de nós deu
Tudo que tínhamos.
E nós dois sabemos, não importa o que eu venha a fazer,
Sempre serei aquele garoto
Com as bolas de meia
Lata de lixo no canto
Cinco segundos para o sinal
Bola nas mãos
5... 4... 3... 2... 1
Te amo para sempre
Kobe"
(30 de novembro de 2015). Mas pode chamar de todos os nomes que respeitam não os campeões. Mas os que amam o esporte por esporte.
Por Kobe brilliant Bryant!

Comentários