Blogs

O Flamengo de 2020 é melhor que o de 2019

O time de Jorge Jesus ganhou mais peças, movimentação e confiança neste ano. E se tornou uma versão evoluída de 2019

Por Bruno Formiga

O Flamengo de 2020 é melhor que o de 2019

O Flamengo de 2020 é melhor que o de 2019

É claro que o recorte ainda não é o ideal. E nem o nível de enfrentamento. Os testes mais difíceis ainda estão por vir. Mas o Flamengo de 2020, por enquanto, consegue ser melhor e mais eficiente que o de 2019. Sim. Parecia impossível. Mas Jorge Jesus conseguiu evoluir a sua obra.

Além de ter mais peças para trabalhar, com um banco infinitamente mais qualificado que o do ano passado, o treinador tem deixado seu time ainda mais intenso e fluído. Trocas de posição têm sido a marca registrada desse Flamengo 2020.

E Gabigol é o símbolo disso. Gerando espaços fora da área, atraindo marcação, desencaixando as linhas do adversário, o camisa 9 segue artilheiro. Mas virou um garçom ainda melhor.

Até aqui, o atacante já marcou 11 gols em 12 jogos. Pouca novidade. Mas nestes mesmos 12 jogos já deu praticamente metade das assistências que conseguiu no ano passado inteiro. Isso graças a maior liberdade que tem de flutuar fora da área e o posicionamento de Bruno Henrique cada vez mais próximo da meta adversária. 

Jorge Jesus também já experimentou usar Everton Ribeiro e Arrascaeta trocados de lado. Usou Pedro e Gabigol juntos. Isso sem contar na forma como Vitinho e Michael entram, por vezes funcionando como pontas invertidos.

É muita variação. Ninguém fica parado e quem tem a bola está sempre com duas ou três opções limpas de passe. Espaço mortal.

O Flamengo de 2020 é paciente com a bola no pé e ansioso sem ela. Quando perde, quer recuperar logo, com ainda mais fome que em 2019. Natural melhora e entendimento dos conceitos a medida que Jorge Jesus vai ficando mais tempo (e lá se foi um ano).

Gabigol tinha avisado no início da temporada sobre o próprio desempenho. Mas, sem querer, fez uma avaliação que vale para o time inteiro.

- A versão 2020 está insuportável.

Comentários