Blogs

O sonho de comentar uma Libertadores

Este 13 de fevereiro de 2020  é um dia muito marcante para mim: chegou o dia em que vou comentar a Libertadores da América

Por Vitor Sérgio Rodrigues

Imagem de divulgação da Conmebol, para o duelo entre Sporting Cristal e Barcelona de Guayaquil | Crédito: Divulgação / Conmebol

Imagem de divulgação da Conmebol, para o duelo entre Sporting Cristal e Barcelona de Guayaquil | Crédito: Divulgação / Conmebol

Eu já comentei jogos do Campeonato Inglês, do Italiano, do Português, do Alemão, do Argentino, da Copa do Nordeste, da Liga dos Campeões, da Europa League, da Copa do Rei, da Copa da Inglaterra, da Copa da Alemanha, da Taça de Portugal, das Eliminatórias Sul-Americanas, do Brasileiro Série C, do Mundial de Clubes da Fifa, do Mundial Sub-20, do Mundial Sub-17, da Copa do Mundo Feminina, da Copa Verde, do Campeonato Cearense, do Potiguar, do Alagoano, do Maranhense, do Brasileiro Série D, da Nations League, das Eliminatórias da Euro e do Brasileirão Série A. São 27 torneios diferentes de futebol ao longo de 13 anos como comentarista.

É curioso que ao longo desse tempo todo, em vários momentos eu fui “atacado” como um lunático, alguém que forçava uma situação ao mostrar a mesma empolgação para comentar a Liga dos Campeões e a Copa do Nordeste, por exemplo. Quem falava isso tinha a certeza de que estava me ofendendo, quando na verdade estava me elogiando. Sim! Ao falarem isso, estavam, sem saber, reconhecendo que faço meu trabalho como deve ser feito. Sempre com o mesmo orgulho, cuidado e respeito à paixão das outras pessoas. Todo clube é a paixão de alguém, não importa se um torcedor ou milhões deles.

Este 13 de fevereiro de 2020 é um dia muito marcante para mim: colocarei o 28º campeonato nesse currículo. Chegou o dia em que vou comentar a Libertadores da América! Em termos estritamente profissionais, é mais um torneio, com o mesmo orgulho, cuidado e respeito. Mas pensando como torcedor, que no fundo é o que me fez ser jornalista, comentar a “Liberta” é um momento único. O torneio cuja a magia forjou aquele menino, que virou um adolescente e depois um homem na cimento duro, depois coberto por cadeiras, do Maracanã.

As histórias, as batalhas (muitas vezes mais do que em sentido figurado), os heróis, os vilões, a emoção transbordando em campo e nas arquibancadas fizeram e fazem a mística dessa gloriosa competição. Fazer parte disso de uma forma mais próxima do que apenas na arquibancada sempre foi um sonho. Logicamente, me faltou habilidade para estar dentro do campo. Hoje, comentando este Sporting Cristal x Barcelona de Guayaquil, ao vivo, no Facebook da Conmebol, a partir de 21h15, será realização de um sonho. Para assistir, só clicar no link: https://bit.ly/2OOgpYA

Comentários