Blogs

Todo mundo quis Schweinsteiger um dia

Bastian Schweinsteiger se aposentou, encerrando uma carreira vitoriosa, de um jogador que sempre entregou o que dele era pedido, fosse o que fosse.

Por Vitor Sérgio Rodrigues

Northern Ireland v Germany - Group C: UEFA Euro 2016(2016 Getty Images, Getty Images Europe)

Northern Ireland v Germany - Group C: UEFA Euro 2016 | 2016 Getty Images, Getty Images Europe

Bastian Schweinsteiger se aposentou. Foi um grande jogador, daqueles que não encantava no aspecto brasileiro do futebol, mas entregava o que o time precisava. Marcação, chegada à frente, liderança, confiança, equilíbrio. Fez um pouco de tudo isso naquela final da Copa do Mundo de 2014, no Maracanã, numa atuação que para muitos foi a melhor daquela decisão.

Schweinsteiger é mais um exemplo de jogador que ao recuar se encontrou. Jogando mais perto do gol, muito jovem, não tinha tanto destaque. Foi recuando e passou a ser um todo-campista (é muito simplista o chamar de "volante") que fazia tudo bem. Um jogador que todo torcedor, em algum momento da vida, sonhou em ter em seu time. Sorte do Bayern e da Alemanha que o tiveram no auge!

Comentários