Brasileirão

Cauteloso com lesões e de olho na Liberta, Grêmio deve poupar atletas contra o Galo

Tricolor tenta preparar elenco para partida decisiva contra o Flamengo, pela Libertadores, no dia 23 de outubro 

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Léo Moura é um dos jogadores que devem ser preservados contra o Atlético-MG(Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Léo Moura é um dos jogadores que devem ser preservados contra o Atlético-MG | Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

A cabeça do Grêmio está na Libertadores e, neste momento, qualquer cuidado para não perder jogadores é pouco. Por precaução, Renato Gaúcho admitiu a possibilidade de poupar o lateral-direito Léo Moura e o atacante Diego Tardelli contra o Atlético-MG, no próximo domingo (13). O treinador revelou que a dupla 'sentiu a perna pesada' após o jogo contra o Ceará e, para evitar qualquer tipo de lesão, deve ser preservada no Campeonato Brasileiro.

"Estamos preocupados com o jogo do fim de semana. (Eles) Sentiram a perna pesada, mas não têm lesão nenhuma. Léo está voltando, Tardelli correu bastante, a perna direita ele vem se queixando, é melhor tirar o jogador porque para ele ter um estiramento é muito rápido. É arriscado, por isso tirei", disse.

Outro que pode ficar fora da próxima rodada do Brasileirão é Maicon, pelo mesmo motivo. O volante se recuperou de lesão recentemente e ainda sente dores no joelho. O Grêmio tenta preparar o jogador para a decisão contra o Flamengo pela Libertadores. 

Diante do Galo, o Grêmio ainda terá as ausências de Everton e Matheus Henrique, que foram convocados para a seleção brasileira, e o zagueiro Kannemann, para a Argentina. 

O jogo do ano para o Grêmio, contra o Flamengo, pela semifinal da Libertadores, será no dia 23 de outubro. Antes disso, o Tricolor gaúcho ainda enfrenta Atlético-MG, Bahia e Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro. 

Comentários