Brasileirão

Lucas Lourenço, do Santos, pode deixar o clube por conta de erro no contrato

Muito pedido pela torcida e um dos destaques do Santos, Lucas Lourenço pode perder dois anos de contrato com o Peixe

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Lucas Lourenço é um dos maiores destaques da base do Santos(Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC)

Lucas Lourenço é um dos maiores destaques da base do Santos | Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Lucas Lourenço, um dos principais destaques da base do Santos e da Copa São Paulo de Futebol Júnior nos últimos dois anos, pode deixar o Peixe no meio deste ano por um valor bem abaixo da multa rescisória por conta de um problema contratual.

Da mesma geração de Rodrygo e Yuri Alberto, que também pode deixar o Santos, o meia-atacante assinou o primeiro contrato aos 16 anos, com prazo de cinco anos (até setembro de 2022), como libera a Lei Pelé. Contudo, o regulamento da Fifa permite uma duração máxima de três anos.

Por isso, Lucas pode deixar o Peixe rumo ao exterior. De acordo com Robson Andrade, pai do jogador, em entrevista ao 'Diário do Peixe', a família é santista e o sonho do meia sempre foi jogar no Santos e dar um retorno positivo ao clube. Porém, o Dínamo de Moscou é um clube que já se interessa pela contratação.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Somos muitos gratos por tudo que o clube deu a ele. Fizemos uma videoconferência com o William e com o Jorge, são pessoas do bem e estamos esperando a volta para decidir pessoalmente. A conversa foi boa, mas precisamos saber o que o clube quer para o Lucas. Se o clube entender que não vai aproveitar, tem essa oportunidade de sair", declarou.

Lucas deixaria o Alvinegro apenas com o pagamento de uma indenização por formação, avaliada em 1 milhão de euros (cerca de R$ 6,4 milhões na cotação atual). Inclusive, se alguma negociação avançar, o jogador tem liberdade de já assinar um pré-contrato.

O meia-atacante está no Santos há 11 anos e soma várias convocações à seleção brasileira de base, sendo destaque no Mundial Sub-17, na Espanha, em 2018. Após essa apariação, seria até promovido à equipe principal santista, mas uma lesão não o permitiu. Muito pedido pelos torcedores, Lucas chegou a ficar 150 dias em recuperação.

 
Andreas Pereira volta a demonstrar vontade de 'encerrar a carreira' no Santos
Comentários