Brasileirão

Por discussão com Oswaldo de Oliveira, Ganso pode pegar até seis jogos de suspensão

Ex-técnico do Fluminense também foi denunciado por trocar xingamentos com o meia e insultar a torcida na partida contra o Santos, válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Ganso enfrentou o Santos, mas teve uma atuação discreta I Foto: Mailson Santana/Fluminense FC

Ganso enfrentou o Santos, mas teve uma atuação discreta I Foto: Mailson Santana/Fluminense FC

Não é apenas na tabela que o Fluminense enfrenta uma situação delicada. O meia Paulo Henrique Ganso foi denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) após trocar ofensas com o ex-técnico do clube, Oswaldo de Oliveira, na partida contra o Santos, no dia 26 de setembro. O jogo foi válido pela 21ª rodada do Brasileirão e terminou empatado em 1 a 1.

Ganso e Oswaldo foram denunciados pela procuradoria com base no Código Brasileiro de Justiça Desportiva por “ofender alguém em sua honra” e podem pegar até seis jogos de suspensão, além de multa.

Os atletas Digão e Frazan, do Fluminense, e Marinho, do Santos, que foram expulsos na partida, também serão julgados. Digão foi denunciado por “agressão” e pode pegar de quatro a 12 jogos de suspensão. Frazan vai responder por “jogada violenta” e o gancho pode chegar a seis partidas. Já Marinho, denunciado por "conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva", também pode pegar seis jogos de suspensão.

Os julgamentos vão ocorrer nesta segunda-feira (14), a partir das 11h30, no plenário do STJD.

Comentários