Brasileirão

Raí confirma aval de jogadores a Diniz e revela bastidores de saída de Mancini do São Paulo

O diretor de futebol do São Paulo, Raí, confirmou que os jogadores deram aval para a chegada de Diniz e teorizou que Mancini ficou magoado com a situação

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Raí, diretor do São Paulo, explicou saída de Mancini e processo para chegada de Diniz

Raí, diretor do São Paulo, explicou saída de Mancini e processo para chegada de Diniz

O diretor de futebol do São Paulo, Raí, explicou neste sábado (28) a saída de Vagner Mancini, ex-coordenador técnico do clube. Em áudio vazado, Mancini alegava que a diretoria do Tricolor teria dito que ele seria efetivado no cargo, mas que depois, a pedido de Daniel Alves, Fernando Diniz foi contratado para comandar a equipe.

"Falamos isso (que os jogadores pediram Diniz). Logo que soubemos da notícia do Cuca já chamamos o Mancini porque precisávamos de um nome para o (jogo contra o) Flamengo. Queríamos saber se ele queria. Na nossa conversa, deixamos a possibilidade de ele continuar, mas não conversamos quanto tempo e quais as condições, deixamos para depois", afirmou.

Depois, quando ele soube que conversamos com os jogadores, acho que ficou magoado, ferido, já não querendo mais a conversa. Isso foi o que aconteceu. Obviamente que a gente estava ali para contar tudo o que aconteceu, como a conversa com os jogadores, que foi muito positiva".

Confira abaixo o áudio de Mancini:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Esporte Interativo (@esporteinterativo) em

Fernando Diniz estreou diante do Flamengo, no Maracanã, em jogo que ficou no 0 a 0. O próximo desafio do técnico comandando o São Paulo será contra o Fortaleza, no próximo sábado (05), às 17h (de Brasília), no Pacaembu.

Comentários