Futebol Brasileiro

Alexandre Mattos deixa o Cruzeiro quatro dias depois de assumir cargo no futebol

Decisão do ex-diretor de futebol do clube mineiro foi motivada pela saída do vice-presidente Pedro Lourenço

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Alexandre Mattos deixa o Cruzeiro após quatro dias no cargo I Foto: Bruno Ulivieri/AGIF

Alexandre Mattos deixa o Cruzeiro após quatro dias no cargo I Foto: Bruno Ulivieri/AGIF

Na manhã desta quinta-feira (9), Alexandre Mattos comunicou o Cruzeiro que não será mais o diretor de futebol do clube neste início de temporada. A informação do "Globo Esporte" foi confirmada pelo Esporte Interativo.

Há quatro dias, o dirigente assumiu o cargo dizendo que iria auxiliar a Raposa de forma gratuita durante o período de transição até ter seu visto de trabalho regularizado na Inglaterra, onde vai assinar com o Reading, clube da segunda divisão inglesa.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

A decisão de Mattos foi motivada pela saída do vice-presidente Pedro Lourenço, também nesta quinta (9). Em quatro dias, o ex-diretor de futebol do clube mineiro comandou a venda de Fabrício Bruno, organizou as negociações de Orejuela e liderou as saídas de Marquinhos Gabriel, Henrique e Egídio.

Pedro Lourenço emitiu um comunicado informando que renunciou ao cargo no núcleo gestor do Cruzeiro por "não compactuar com tamanhas incoerências na gestão, no estatuto, nos salários absurdos, entre outras situações".

Confira o comunicado oficial do ex-vice presidente da Raposa:

 
Comentários