Futebol Brasileiro

Alisson revela torcida pelo Flamengo contra o River: 'Muitos amigos lá'

Goleiro do Liverpool e da seleção brasileira projeta duelo com o Rubro-Negro no Mundial de Clubes

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Alisson é o atual melhor goleiro do mundo, eleito pela Fifa(Laurence Griffiths / 2019 Getty Images)

Alisson é o atual melhor goleiro do mundo, eleito pela Fifa | Laurence Griffiths / 2019 Getty Images

O Flamengo ganhou um reforço de peso para a decisão da Libertadores da América. Pelo menos na torcida. O goleiro Alisson revelou que vai torcer para o time carioca neste sábado (23), no duelo flamenguista com o River Plate, em Lima, no Peru. 

O 'melhor do mundo' revelou, em entrevista ao 'Globo Esporte', que sua torcida pelo time de Jorge Jesus se dá pelos amigos que ele têm no clube da Gávea, principalmente com o lateral-esquerdo Filipe Luís.

"A minha torcida para o Flamengo vencer a Libertadores é por causa disso. O Filipe Luis é um amigo que eu tenho no futebol. A gente acaba convivendo com muitas pessoas, acaba conhecendo a história dessas pessoas aqui dentro da Seleção, ele é um cara que eu me identifico muito, a gente tem um estilo parecido. Convivemos muito aqui na Seleção, espero conviver mais, porque é um cara que pode acrescentar mais à Seleção. Ele é um jogador experiente, que está demonstrando que está em altíssimo nível pelas atuações no Flamengo, que também tem outros jogadores, como Gabigol, Bruno Henrique, o Gerson, com quem joguei na Roma. Ele está arrebentando também".

Quer ganhar um vale-presente de R$100,00 para comprar qualquer produto na Americanas.com? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos. É grátis!

Ele também projeta um confronto com o Flamengo no Mundial de Clubes, onde a sua equipe, o Liverpool, já está classificada por ser a atual campeã da Champions League. Alisson conta que, se isso acontecer, as brincadeiras serão inevitáveis nos escontros com a seleção brasileira.

"Quando a gente está aqui dentro com certeza vai rolar uma brincadeira, uma brincadeira sadia, independente de quem vencer. A Seleção tem muito a ganhar com isso (possível título do Flamengo), pois valoriza os jogadores que estão aqui dentro. E conquistar títulos pelos clubes também impõe respeito dentro de campo, os outros jogadores e as outras seleções começam a te enxergar de uma maneira diferente, dentro de campo começam a te respeitar mais".

Comentários