Futebol Brasileiro

Anderson Barros conversa diretamente com Ramírez e marca reunião para negociar com o treinador

Diretor de futebol palmeirense tenta marcar horário com o técnico espanhol para viajar ao Equador e negociar com ele

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Ángel Ramírez é o preferido do presidente Maurício Galiotte(Getty Images)

Ángel Ramírez é o preferido do presidente Maurício Galiotte | Getty Images

O Palmeiras segue em busca de um novo técnico para comandar a equipe. Conforme apurado pela reportagem do Esporte Interativo, Anderson Barros, diretor de futebol alviverde, conversa diretamente com Miguel Ángel Ramírez para viajar ao Equador e marcar data e horário para uma reunião com o espanhol.

O principal impeditivo deve ser mesmo o valor da multa rescisória pedida pelo Independiente Del Valle, atual clube do treinador. A pedida de 1 milhão de dólares (cerca de R$ 5,6 milhões) ainda é alta para o Verdão, que faz contas para não prejudicar o financeiro do time, que já sofreu com a crise causada pela pandemia do novo coronavírus.

Além disso, bastidores dão conta de que Ramírez pretende voltar à Espanha, seu país natal, no final do ano, o que também tornaria um impeditivo ao Verdão. Adepto do jogo de posição, ele chegou ao Independiente del Valle em 2018 com o objetivo de trabalhar as categorias de base do clube e fazer da 'cantera' um provedor para o clube principal. 

Até o momento, portanto, nenhuma negociação foi encerrada. Guillermo Schelotto, do Los Angeles Galaxy, Gustavo Poyet e Gustavo Munúa, ambos sem clube, foram outros nomes já especulados para assumir o comando técnico do Palmeiras.

 
Melhores momentos - Palmeiras 1x 3 Coritiba
Comentários