Futebol Brasileiro

Após duas cirurgias e crise do novo coronavírus, Rojas pode ficar quase dois anos sem jogar pelo São Paulo

Atacante equatoriano se lesionou em outubro de 2018 e, desde então, não conseguiu entrar em campo com a camisa são-paulina

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Joao Rojas não joga desde outubro de 2018, quando rompeu os ligamentos do joelho(Getty Images)

Joao Rojas não joga desde outubro de 2018, quando rompeu os ligamentos do joelho | Getty Images

A passagem de Joao Rojas pelo São Paulo está longe de ser a idealizada por ele e torcedores do clube. O equatoriano de 30 anos de idade sofreu uma lesão séria no joelho em outubro de 2018 e, desde então, não conseguiu entrar em campo com a camisa tricolor.

De lá para cá, o jogador passou por duas cirurgias para reconstruir os ligamentos do local lesionado, que fizeram seu retorno aos gramados ser adiado apenas para este ano.

Entretanto, a crise do novo coronavírus, que paralisou o futebol no Brasil por tempo indeterminado, pode fazer com que Rojas chegue a quase dois anos sem entrar em campo.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Contratado em meados de 2018 do Talleres, da Argentina, o atacante chegou caindo nas graças da torcida do São Paulo como uma das principais válvulas de escape do time no Campeonato Brasileiro.

Ao todo, Rojas tem 20 partidas disputadas e apenas um gol marcado, contra o Vasco, pela 17ª rodada do Brasileirão daquele ano. Ele ainda foi responsável por cinco assistências.

 
EXCLUSIVO! Daniel Alves diz que São Paulo tem mesmos conceitos do futebol europeu e brigaria nas principais ligas
Comentários