Futebol Brasileiro

Após empate com o Flamengo, Coudet elogia a equipe carioca "é um equipaço"

O comandante do Inter concedeu coletiva e disse que foi uma das grandes partidas do Brasileiro

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Coudet elogia o Flamengo após empate no Beira-Rio(Pedro H. Tesch/AGIF)

Coudet elogia o Flamengo após empate no Beira-Rio | Pedro H. Tesch/AGIF

Na tarde deste domingo (25), Internacional e Flamengo entraram em campo para duelar pela liderança do Campeonato Brasileiro. As duas equipes tiveram boas chances durante o jogo, mas a partida terminou empatada em 2 a 2. 

Depois do apito final , Eduardo Coudet, técnico do Colorado, concedeu coletiva de imprensa. O argentino falou sobre as poucas peças em seu elenco e sobre a qualidade do rival carioca. 

Temos o que temos e estamos fazendo um grande esforço, necessitamos apoio total. Posso entender que gostem mais de um, mais de outro, mas somos muito poucos. Vão jogar todos. Necessitamos que o torcedor esteja perto."

Contra o rival dessa hierarquia, as chances que tivemos no segundo tempo deveríamos ter completado, porque eles têm muitas variações, opções, é um "equipaço"."

O comandante do Colorado falou ainda sobre conhecer mais o futebol nacional e que o jogo contra o Rubro-Negro foi uma das grandes partidas do torneio. 

"Conheço muito mais o futebol brasileiro, os jogadores, as equipes, como jogam. Nesse caso falar de um é difícil, um colega que está fazendo um grande trabalho. Foi um partidaço, lamentavelmente escapou no fim. Flamengo empata no fim, comemora, sai feliz com o resultado, siginifica que somos uma equipe que tem respeito, vamos continuar trabalhando para nos manter lá. Não é fácil conseguir 35 pontos, agora é difícil falar porque escaparam dois pontos, mas reconhecer que na nossa frente tinha grande equipe e lembrar que cada vez que eles trocam seguem entrando jogadores de qualidade. Foi uma das grandes partidas do torneio, as duas equipes queriam os três pontos."

Coudet completou falando da falta de atletas no elenco e sobre sua vontade de trazer mais jogadores nessa janela de transferências. 

"O tema é esse, como chegamos fisicamente a cada partida, não vamos poder sustentar. O ideal seria nessa janela trazer três, quatro jogadores, mas não é algo que podemos fazer. Vamos ver se até a janela podemos encontrar ou trazer algum jogador com características do que queremos jogar. A gente tem que ir trocando muitas vezes o desenho, o esquema, porque para manter como começamos teríamos que ter jogadores das mesmas características e não temos. É uma situação particular, de eleição no clube, incerteza, certo que a gente precisaria ampliar o grupo para ser mais forte, mas hoje não é uma realidade."

Comentários