Futebol Brasileiro

Atlético-MG emite nota de repúdio ao ato do mascote com atleta do time feminino

Mascote chamado "Galo Doido" pediu para a jogadora Vitória Calhau dar uma "voltinha"

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Time feminino foi apresentado durante o intervalo da partida entre Atlético-MG e Caldense I Foto: Pedro Souza/Atlético

Time feminino foi apresentado durante o intervalo da partida entre Atlético-MG e Caldense I Foto: Pedro Souza/Atlético

O Atlético-MG emitiu um comunicado oficial repudiando o ato de desrespeito do mascote do clube com Vitória Calhau, zagueira do time feminino. Durante o intervalo da partida contra a Caldense, neste domingo (16), o "Galo Doido" pediu para a atleta dar uma "voltinha" e foi bastante criticado. O mascote ainda esfregou as mãos e as levou à boca.

Ao lado de Diego Tardelli e outras jogadoras, o Galo apresentava o time feminino para os torcedores no Mineirão quando houve o momento desconcertante. Em nota, o clube afirmou que "lamenta e repudia o comportamento do funcionário, que foi sumariamente afastado".

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Confira a nota na íntegra:

"Sobre o episódio ocorrido na tarde de ontem, envolvendo a atleta Vitória Calhau, o Atlético lamenta e repudia o comportamento do funcionário, que foi sumariamente afastado. Pedimos desculpas à atleta, às demais jogadoras e a todas as torcedoras e torcedores pelo lamentável ato".

Comentários