Futebol Brasileiro

Borja, do Palmeiras, diz que família quer voltar para a Colômbia

Atacante do Palmeiras tem proposta do Olimpia-PAR, mas quer voltar ao seu país

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Borja não fica no Palmeiras em 2020(Bruno Ulivieri/AGIF)

Borja não fica no Palmeiras em 2020 | Bruno Ulivieri/AGIF

Longe dos planos do Palmeiras para 2020, Miguel Borja vive um dilema quanto ao seu futuro. Com propostas do Olimpia e Junior Barranquila, o atacante quer voltar a atuar na Colômbia.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!
 

A prioridade da minha família é voltar à Colômbia, mas eu não fecho a porta para nenhuma possibilidade", disse em entrevista à rádio 'ABC Cardinal'.

Além disso, a contratação mais cara da história do Palmeiras se declarou torcedor do Junior e, também, afirmou que passou muito tempo fora de seu país com sua família: "Sou torcedor do Junior, mas dependo do que possa conversar com minha família. A inclinação é de voltar à Colômbia e eles também decidem. Estiveram muitos anos fora do país e se apresentou a chance de voltar. Estamos analisando", concluiu.

Borja chegou ao Palmeiras no começo de 2017, após fazer uma boa Libertadores pelo Atletico Nacional, também da Colômbia. Marcou, no Verdão, 36 gols em 112 partidas e conquistou o Brasileirão de 2018. 

 
  • Redação do Esporte Interativo
Comentários