Futebol Brasileiro

Campeão, Luxemburgo quebra recordes no Palmeiras e no Estado e rebate críticos do futebol apresentado pelo time

Luxemburgo exaltou o futebol apresentado pelo Palmeiras durante o Paulistão e explicou a estratégia utilizada para levantar a taça contra o Corinthians

Por Rodrigo Fragoso

Elenco do Palmeiras levanta Luxemburgo após a conquista do Campeonato Paulista(Getty Images)

Elenco do Palmeiras levanta Luxemburgo após a conquista do Campeonato Paulista | Getty Images

Com a conquista do seu quinto título paulista pelo Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo se tornou o treinador mais vitorioso da história do campeonato estadual, acumulando nove taças e ultrapassando Lula, oito vezes campeão paulista.


"O Palmeiras quando me contratou, eu sabia da responsabilidade que tinha ao voltar, tanto pelo passado quanto pelo presente. Me contratou pelo passado com a responsabilidade do presente. E sabíamos que tinhamos que conquistar", disse Luxa, que ainda completou: "Os nossos números mostravam nosso trabalho durante a competição. Eu não quero trazer os louros pra mim. Meu trabalho é esse: fazer o melhor para os atletas, trabalharem bem".


Não é apenas o quinto título paulista do técnico Vanderlei Luxemburgo pelo Palmeiras, mas também é o quinto título paulista consecutivo do Palmeiras sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, que está em sua quinta passagem pelo clube. Ele falou sobre a conquista e as críticas em relação ao futebol aprensentado pela equipe durante a competição.


"As pessoas analisam um jogo e não analisam o geral. Defesa menos vazada, equipe que mais finaliza a gol durante a competição, o Palmeiras é a equipe que mais finaliza a gol em transição ofensiva, então tem números importante que as pessoas não analisam. Mas é impossível jogar tecnicamente muito bem. De repente você quer tornar um time mais ofensivo, mas se tornar, ele vai ser mais vulnerável. Você tem que ter a sabedoria de fechar um pouco mais, foi o que foi feito hoje, ir tornando a equipe mais leve no decorrer do jogo", explicou Luxa. 


O Palmeiras alcançou o título paulista com oito vitórias, seis empates e duas derrotas. Os comandados de Vanderlei Luxemburgo alcançaram o mata-mata da competição na liderança do grupo D, eliminando o Santo André nas quartas de final, a Ponte Preta na semifinal e batendo o Corinthians nas finais.
 

Comentários