Futebol Brasileiro

Com pressão da torcida contra Mano, Palmeiras volta ao Maracanã, palco das duas últimas demissões

Palmeiras demitiu seus dois últimos técnicos no Maracanã; Mano Menezes sofre com rejeição da torcida

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Mano Menezes sofre rejeição por parte da torcida do Palmeiras(CESAR GRECO)

Mano Menezes sofre rejeição por parte da torcida do Palmeiras | CESAR GRECO

O Maracanã, recentemente, virou um palco desagradável para os treinadores do Palmeiras. Os últimos dois técnicos do clube que balançavam, lá caíram. Roger Machado, em julho de 2018, e Felipão, em setembro deste ano, foram demitidos após não conseguirem bons resultados no estádio.

Assista ao Brasileirão no EI Plus!

E o Maracanã é onde Mano Menezes, muito criticado pela torcida palestrina, comandará o Palmeiras nesta quinta-feira (28), contra o Fluminense, em jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Verdão luta pela segunda colocação do campeonato. O time comandado por Mano não levantou nenhum título em 2019 e isso frustrou a torcida.

Mano chegou ao Palmeiras na 18ª rodada do Brasileirão e tinha a missão de recolocar o time na briga pelo título. Mesmo com um aproveitamento de 70,3%, com 11 vitórias, cinco empates e apenas duas derrotas, o treinador não conseguiu bater de frente com o Flamengo e, ainda por cima, caiu para a terceira colocação do campeonato.

Apesar de toda a pressão da torcida, o diretor de futebol do Palmeiras, Alexandre Mattos. garantiu a presença de Mano para 2020: "Ele tem contrato e vai participar da pré-temporada, está participando do planejamento, está bem integrado a tudo o que a gente pensa", disse Mattos.

Comentários