Futebol Brasileiro

Conmebol divulga regras de classificação para o Mundial de 2021

As mudanças incluem o retorno de um torneio disputado nos anos 90, a Supercopa dos Campeões da Libertadores, que será uma competição com as últimas duas vagas para o Mundial  

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

As últimas duas vagas virão de uma outra competição no calendário(Raúl Arboleda/AFP)

As últimas duas vagas virão de uma outra competição no calendário | Raúl Arboleda/AFP

O presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, revelou as ideias da entidade para a classificação dos clubes para o Mundial de Clubes de 2021, que será disputado com novo formato.

Domínguez revelou que os classificados para o torneio intercontinental serão os campeões da Libertadores de 2019 e 2020, os campeões da Sul-Americana de 2019 e 2020 e as últimas duas vagas vindas de uma outra competição no calendário, disputada pela última vez nos anos 90: a Supercopa dos Campeões da Libertadores.

A Supercopa da Libertadores será disputada entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021 com formato a ser definido. Todos os clubes que já foram campeões da Libertadores irão participar, exceto quem já estiver classificado por alguma conquista nos próximos anos.

Porém, ainda não há nada definido. As ideias ainda serão aprovadas pelo conselho da entidade, formado pelos 10 presidentes das confederações sul-americanas. Eles estarão reunidos em Assunção (Paraguai), no dia 8 de novembro, véspera da final da Copa Sul-Americana.

Comentários