Futebol Brasileiro

Conmebol pune Defensa y Justicia por gestos racistas em jogo contra o Santos

Clube argentino foi multado em 20 mil dólares pelos gestos racistas feitos por alguns torcedores na partida contra o Santos

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Torcedores do Defensa y Justicia praticaram atos racistas em partida contra o Santos(Getty Images)

Torcedores do Defensa y Justicia praticaram atos racistas em partida contra o Santos | Getty Images

A Conmebol puniu o Defensa y Justicia, da Argentina, em 23 mil dólares (pouco mais de R$ 100 mil) por conta de atos de indisciplina e discriminação na partida contra o Santos, realizada no último dia 03 de março.

A multa foi divida em 20 mil dólares (R$ 100 mil) por conta de atos racistas de alguns torcedores contra a torcida santista e 3 mil dólares (R$ 15 mil) por conta de um objeto arremessado no gramado. 

Em campo, o Santos venceu o Defensa y Justicia de virada, por 2 a 1, na partida de estreia das equipes na Libertadores de 2020. O Peixe lidera o grupo G do torneio continental, com seis pontos conquistados em dois jogos.

Getty Images
Com gol de Kaio Jorge (foto) nos minutos finais, o Santos venceu o Defensa y Justicia na Argentina

A Copa Libertadores, assim como grande parte dos torneios mundo afora, está interrompida por conta do surto do novo coronavírus. A previsão da Conmebol é que o torneio fique suspenso pelo menos até o dia 05 de maio.

 
Robinho fala sobre situação na Turquia
Comentários