Futebol Brasileiro

Conselheiro do Corinthians reclama de despesas: 'Gastaram 222 vezes a mais'

De acordo com o conselheiros, as contas de 2019 devem ser reprovadas

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Corinthians não deve ter contas de 2019 aprovadas(Marcello Zambrana/AGIF)

Corinthians não deve ter contas de 2019 aprovadas | Marcello Zambrana/AGIF

O Corinthians não deve ter suas contas de 2019 aprovadas, de acordo com Max Anselmo Carvalho, conselheiro do Corinthians.

Em entrevista ao 'PodcasTimão', Max revela que os últimos gastos do Timão excederam o limite e, por isso, as contas não devem ser aprovadas. Caso o contrário, as consequências serão grandes.

"Essas contas têm de ser reprovadas. Gastaram 222 vezes a mais do que o previsto. A gente vai quebrar. A reprovação vai mostrar que o Conselho está fiscalizando o órgão executivo. E com a reprovação é vida nova. O que vai acontecer? Não sei. Mas, tem que mudar, o mundo está mudando", afirmou o conselheiro.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis

Além disso, Max opinou sobre qual é o caminho para que o clube volte a ter uma estabilidade financeira. A solução pode custar títulos ao Timão.

"São 25 milhões de reais de dívidas todo mês. Quem vai ser o Bandeira de Mello do Corinthians? Vai ser aquele que fechar a torneira e falar: ‘vamos ficar dois ou três anos sem ganhar título nenhum’", afirmou.

 
Neto escala Corinthians de todos os tempos consigo mesmo no time ideal
Comentários