Futebol Brasileiro

Corinthians projeta mais saídas do clube e mais atenção à base para 2020

Segundo o técnico Tiago Nunes, alguns jogadores ainda podem deixar o clube; O objetivo é observar a categoria de base 

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Tiago Nunes diz que objetivo do Corinthians é utilizar a base(Marcello Zambrana/AGIF)

Tiago Nunes diz que objetivo do Corinthians é utilizar a base | Marcello Zambrana/AGIF

Após eliminação na Pré-Libertadores para o Guaraní-PAR, o Corinthians vem perdendo alguns jogadores do elenco. Só nas últimas semanas, foram três empréstimos: Gustagol ao Internacional, Madson ao Fortaleza e Filipe ao Paraná Clube.

E, segundo Tiago Nunes, a intenção é observar os atletas que permaneceram, além de se atentar às categorias de base, já que não há necessidade de tantas peças de reposição com apenas os Campeonatos Paulista e Brasileiro e a Copa do Brasil em disputa.

Essa é uma construção com a direção. Há muitas situações que intervêm na saída ou não de um jogador. Não só interesse técnico, mas também interesse do clube com seu ativo. Oportunidade de mercado. São coisas que estamos olhando. Lógico que um grupo enxuto oportuniza olhar para a formação com mais carinho. Com grupo menor, você consegue ter mais perspectiva de busca de jogadores na própria base e também nível de treinamento. Conseguimos dar uma atenção maior a todos os jogadores", declarou Tiago Nunes em entrevista ao Globo Esporte.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Quatro atletas do Timão ainda podem deixar o clube. Araos, que ainda não foi inscrito no Paulistão; Marllon, que é a última opção para a defesa e também não está inscrito na competição regional; Carlos Augusto, lateral que vem treinando como zagueiro e ainda não foi usado por Tiago Nunes; e Léo Santos, que ainda se recupera de uma lesão no joelho e não é opção para o técnico.

O próximo confronto do Corinthians acontece na quarta-feira (26), contra o Santo André, às 21h30 (de Brasília), na Arena Corinthians, em Itaquera.

Comentários