Futebol Brasileiro

Dorival relembra conquista do Paulistão 2010 pelo Santos e conselho de Robinho

A final do Paulistão de 2010, com o Santos campeão, foi marcada pelas várias expulsões do Peixe e a negativa de Ganso em sair de campo

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Santos conquistou o título do Paulistão de 2010(Ricardo Saibun/Santos FC)

Santos conquistou o título do Paulistão de 2010 | Ricardo Saibun/Santos FC

Há dez anos, o Santos conquistava o Campeonato Paulista em uma final contra o Santo André. O jogo foi pegado, com três expulsões para o lado do Peixe e uma inesperada reação de Paulo Henrique Ganso a Dorival Júnior, então técnico da equipe, se negando a ser substituído.

A intenção do treinador era colocar o zagueiro Bruno Aguiar para fechar a defesa depois de perder três atletas, mas com a negativa de Ganso, Dorival ficou sem reação. Em entrevista ao 'UOL Esporte', ele contou que quem o aconselhou foi Robinho.

O Ganso tinha crescido muito nos últimos 15 minutos, feito o lance de rolar a bola no escanteio... É natural que ele tenha falado não. Deve ter sido pra mim. O Bruno fala que foi para ele e até hoje não sei. Não vou mentir pra vocês, eu fiquei sem ação. Quem estava atrás de mim na hora era o Robinho, e ele virou pra mim e falou 'professor, já que o Ganso não quer sair, tira o André que ele tá uma b***a' e eu não pensei duas vezes".

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Contudo, o atual comandante do Athletico-PR explicou que o Ganso não era sua opção para sair, já que estava prendendo a bola, mas instantes antes, o então camisa 10 do Santos declarou que "estava morto".

Não foi desrespeitosa (o 'não' de Ganso). Fizeram uma celeuma toda, levantaram uma situação... Ao invés de valorizarem a atuação do Santo André, a forma como o Santos ganhou, com jogadores expulsos. Não, preferiram falar da situação do Ganso que parecia mais importante do que a conquista do Campeonato Paulista. Depois do jogo, eu nem queria mais saber dessa história", declarou Dorival.

Este troféu foi o primeiro da carreira não só do Ganso, mas também do Neymar. O ataque santista era um dos destaques da época, com o Peixe marcando 72 gols só no Paulistão.

Dorival ainda comandou o Alvinegro na conquista da Copa do Brasil logo depois, mas acabou demitido após uma briga com Neymar.

 
Neymar parabeniza o Santos por aniversário de 108 anos
Comentários