Futebol Brasileiro

Edilson critica Rogério Ceni no Cruzeiro: 'Ele teve um pouco de vaidade'

Em entrevista ao 'Fora de Jogo', do Esporte Interativo, o jogador revelou uma conversa que teve com o técnico após não ter sido escalado para um jogo da semifinal da Copa do Brasil contra o Internacional em 2019

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Edilson assinou com o Cruzeiro em 2018 e teve o contrato rescindido neste ano I Foto: Fernando Moreno/AGIF

Edilson assinou com o Cruzeiro em 2018 e teve o contrato rescindido neste ano I Foto: Fernando Moreno/AGIF

O jogador Edilson foi o convidado desta quarta (24) do "Fora de Jogo, do Esporte Interativo, e revelou um momento de discordância com o técnico Rogério Ceni na época em que ambos estavam no Cruzeiro, em 2019. O lateral destacou que não entendeu o motivo de o treinador não ter o escalado para a semifinal da Copa do Brasil, contra o Inter, e afirmou que foi um momento de vaidade de Ceni.

Achei um pouco de vaidade dele naquele momento (...) Ele ainda é muito novo, então é normal que, de repente, tenha alguns erros de gestão de grupo que outros treinadores como Tite, Renato, Mano Menezes não tenham".

 

"Cheguei no Ceni e falei: 'Professor, acho que a gente tá em um momento muito ruim, de um não concordando com o outro. Pra gente não ter esse ambiente, acho que a gente tem que conversar'. Falei 'poxa, me desculpa se eu fiz alguma coisa de errado, se eu fiz alguma coisa que você não gostou e vamos virar essa página, o Cruzeiro é muito maior do que nós todos'.  Aí ele foi e falou: 'Eu não acho que eu errei, eu acho que só você que errou'."

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Edilson assinou com o Cruzeiro na temporada 2018 e teve seu contrato rescindido este ano com o clube. Com a camisa celeste, o lateral atuou em 73 partidas e balançou as redes em três oportunidades.

 
Edilson reclama de postura do próprio time contra o Grêmio: 'Foi cabaço'
Comentários