Futebol Brasileiro

Em meio à pandemia do novo coronavírus, Botafogo-SP corta direito de imagem sem avisar elenco

Vinte atletas do elenco entraram com medida extrajudicial contra o clube e ameaça entrar em greve

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Estádio Santa Cruz, do Botafogo-SP, vai ficar sem receber jogos por muito tempo(Getty Images)

Estádio Santa Cruz, do Botafogo-SP, vai ficar sem receber jogos por muito tempo | Getty Images

O coronavírus está mudando todo o cenário financeiro dos clubes de futebol. E isso impactou diretamente o Botafogo-SP. Nesta quarta-feira (29) o clube cortou o direito de imagem dos jogadores sem avisar o elenco, que imediatamente se revoltou. A informação é do jornal 'O Dia' e foi confirmada pelo Esporte Interativo.

Sem negociação, a diretoria do Botafogo-SP suspendeu por tempo indeterminado o pagamento do direito de imagem, que configura cerca de 40% dos vencimentos. Os jogadores estão insatisfeitos com a atitude da diretoria e estão analisando fazer uma greve caso a situação não seja revista.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Vinte jogadores do elenco principal fizeram uma notificação extrajudicial, referente ao 'Primeiro Aditivo ao Instrumento Particular de Contrato de Licença de Direito de Uso de Nome, Apelido Desportivo, Voz e Imagem'. A diretoria do Botafogo-SP deve se manifestar nas próximas semanas.

 
Comentários