Futebol Brasileiro

Ex-Boca fala sobre derrota para o Corinthians em 2012: 'Maior dor da minha carreira'

Matías Caruzzo, à época zagueiro do Boca Juniors, faz declaração sobre a derrota por 2 a 0 para o Corinthians na final da Libertadores de 2012

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

No segundo jogo, o Corinthians levou a melhor por 2 a 0 e conquistou o torneio(Getty Images)

No segundo jogo, o Corinthians levou a melhor por 2 a 0 e conquistou o torneio | Getty Images

A vitória do Corinthians na final da Libertadores de 2012 não marcou apenas os torcedores alvinegros mas, também, os que saíram como derrotados por 2 a 0 em pleno Pacaembu: o elenco do Boca Juniors. Para Matías Caruzzo, à epoca zagueiro xeneize e autor do gol na primeira partida, perder para o Corinthians ainda é sua maior ferida.

"A maior dor da minha carreira como jogador foi perder a final da Libertadores para o Corinthians", disse Caruzzo, em entrevista à 'TNT Sports'. 

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Hoje atuando pelo San Lorenzo, o zagueiro ficou marcado por se desentender com Emerson Sheik, responsável pelos dois gols do título e que, inclusive, mordeu o dedo de Caruzzo em determinado momento da provocação. 

Apesar do revés em 2012, na temporada seguinte, o Boca Juniors e Caruzzo se "vingaram" do Timão. Os times se reencontraram no mata-mata e o time Xeneize levou a melhor e continuou no torneio. 

 
Mattos diz que lei tem que se adaptar à realidade do futebol: 'Se não, Corinthians está certo'
Comentários