Futebol Brasileiro

Ex-Santos visita Ronaldinho na prisão: "algum mafioso está por trás disso"

Nelson Cuevas atuou pelo Peixe entre 2008 e 2009. Além disso, enfrentou Ronaldinho em alguns duelos entre Brasil x Paraguai

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Ronaldinho foi preso no Paraguai(Jorge Saenz/AP)

Ronaldinho foi preso no Paraguai | Jorge Saenz/AP

Ronaldinho Gaúcho segue preso no Paraguai por tentar entrar no país com passaportes falsos. O craque, agora, começa a receber visitas ilustres. A primeira delas foi a do ex-jogador paraguaio Nelson Cuevas, que atuou no Santos entre 2008 e 2009. “Pepino Cuevas”, como é conhecido no Paraguai, não se conteve ao falar do amigo e garantiu que R10 não teve culpa alguma no crime cometido:

Algum mafioso está por trás disso. Alguém o colocou lá. Ele nem sabe o que está acontecendo, só quer jogar futebol e viver sua festa. Ele vive em outra realidade. O entorno dele foi responsável. Me diz com quem andas e te direi quem és – disse à Fox México.

Cuevas ainda lembrou de vários momentos nos quais cruzou com Ronaldinho Gaúcho no campo. Lembrou também do jeito descontraído que o craque jogava, relacionando com a tristeza atual dentro da prisão:

"Nos encontramos muitas vezes. Trocamos camisas, por isso fiz questão de visitá-lo. Sempre foi muito alegre e amável comigo e com todos. Mas agora todos o enxergam muito triste. Segue falando com os fãs, tem o dom de ser amável e carismático, mas está triste. Sei que cometeu um crime, mas acredito nele. Tenho certeza que ele sequer apresentou o passaporte."

Ronaldinho Gaúcho e o irmão Assis estão presos em Assunção, no Paraguai, desde o dia 5 de março. Os dois vão responder por falsidade ideológica, após terem tentado entrar no país com passaportes paraguaios falsos.

  • ronaldinho
Comentários