Futebol Brasileiro

Ex-diretor diz que negociação entre Corinthians e Drogba foi 'fantasia'

Flávio Adauto ainda disse que a nota que o clube soltou foi 'ridícula'

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Corinthians quase contratou Drogba em 2017(Reprodução)

Corinthians quase contratou Drogba em 2017 | Reprodução

Depois de três anos de uma negociação fracassada, ainda ouvimos o famoso "valeu, Drogba!" referente à tentativa do Corinthians em contratar o atacante marfinense. Flávio Adauto, diretor do Timão na epóca, abriu o jogo sobre a negociação: "Criaram uma fantasia!"

O Carille veio me perguntar o que tinha de verdade, e eu disse: "Não tem nada." A gente dava até risada. Internamente ninguém acreditava, jogador, técnico... Usaram o Corinthians, imaginaram que com essa ação poderiam criar um novo fator Ronaldo. Para piorar, teve aquela nota oficial. Agradecer ainda depois? Ficou ridículo. Como agradecer uma negociação que não existiu?", esbravejou Adauto em entrevista ao 'Globoesporte.com'.

Porém, o próprio jogador agradeu o Corinthians depois do fracasso da negociação em seu Twitter, onde agradeceu o carinho recebido pela Fiel na epóca: 

O que mais causou polêmica à epóca foi a carta de agradecimento que o Corinthians postou como nota oficial, agradecendo o jogador, mesmo com uma negociação encerrada: 

"Valeu, Drogba

O Sport Club Corinthians Paulista, através de sua presidência, agradece ao atacante marfinense Didier Drogba pelas conversas nas últimas semanas com Roberto de Andrade.

O jogador agradeceu imensamente as tratativas. Mesmo não chegando ao clube, Drogba informou que, após conhecer a história e a Fiel Torcida Corinthiana, passou a ser mais um louco do bando espalhado pelo mundo.

"A vida é feita de escolhas, e, dessa forma, o jogador de grande reconhecimento mundial seguirá outro rumo na temporada. Agradecemos o atleta pela atenção dada neste período e temos certeza de que ganhamos o carinho de mais um fiel torcedor. Fazemos por aqui o convite para que Drogba assista um jogo na Arena Corinthians ainda nesta temporada", complementa Roberto de Andrade"".

 
Felipe, do Botafogo-PB, fala sobre necessidade de ajuda da CBF aos clubes
Comentários