Futebol Brasileiro

Ex-presidente do Botafogo revela que negociou com Ronaldinho e Diego Ribas

Mauricio Assumpção contou que conversou com a dupla antes de acertar com Clarence Seedorf, em 2012

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Diego Ribas e Ronaldinho, juntos, em ação pelas Eliminatórias para a Copa de 2010(Via Getty Images)

Diego Ribas e Ronaldinho, juntos, em ação pelas Eliminatórias para a Copa de 2010 | Via Getty Images

Em junho de 2012, o Botafogo fez uma das contratações mais antológicas da história do futebol brasileiro: o holandês Clarence Seedorf. Antes, porém, o clube carioca sondou outros dois nomes para trazer impacto imediato à instituição, conforme relato do, à época presidente, Mauricio Assumpção: Diego Ribas e Ronaldinho Gaúcho.

Hoje no Flamengo, Diego atuava no Wolfsburg e vivia um dos melhores momentos na carreira. O salário do meio-campista, porém, estava fora da realidade fincanceira do Alvinegro naquele ano. Já Ronaldinho estava na transição entre o Flamengo e o Atlético-MG e teve sua possível contratação pela equipe de General Severiano discutida através do irmão e empresário Assis. 

"Fizemos uma investida no Diego, fui pessoalmente à Alemanha, mas na época o salário era totalmente fora da nossa realidade. Nosso nível de conversa foi elevadíssimo, o Diego é um cara especial para se tratar, dialogar, iria fazer uma diferença bem importante. Depois tentamos o Ronaldinho Gaúcho, as tratativas foram com Assis", afirmou Assumpção, em entrevista ao 'AM Canal'. 

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!
 

"Por último, o Seedorf, através do Serginho, que foi lateral do São Paulo e do Milan, fez o meio-de-campo com alguns empresários aqui no Brasil", completou o ex-mandatário.

 
Marcinho sobre seleção
Comentários