Futebol Brasileiro

Ex-seleção italiana, Rômulo, do Brescia, é monitorado pelo Internacional

Volante foi revelado pelo Juventude é um gaúcho de Pelotas que se naturalizou italiano 

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Rômulo em ação com a camisa do Brescia, pelo Campeonato Italiano desta temporada(Getty Images)

Rômulo em ação com a camisa do Brescia, pelo Campeonato Italiano desta temporada | Getty Images

Em meio à paralisação do futebol, o Inter está monitorando a situação do volante brasileiro naturalizao italiano, Rômulo. Gaúcho de Pelotas, o jogador defende atualmente o Brescia e tem convocações para a seleção da Itália no currículo. Neste final de semana, inclusive, o jogador revelou, em entrevista à Rádio Gaúcha, que gostaria de assinar com o Colorado no meio deste ano. 

Rômulo tem contrato com o Brescia até junho, ficando livre no mercado a partir de então. Ele chegou a revelar que ficou perto de defender as cores do clube gaúcho em 2018. Apesar do interesse mútuo, ainda não há negociação em andamento no momento, principalmente porque a diretoria do Inter trata com cautela suas finanças, que estão prejudicadas com a pandemia do novo coronavírus.

"Já estava praticamente tudo certo com o Inter (em 2018). Faltaram detalhes mesmo. A proposta me sensibilizou, me deixou feliz demais. Acabou não dando certo, mas quem sabe nesse futuro ou na próxima janela a diretoria não volta a ir atrás? Vamos ver o que o futuro prepara para a gente. O meu contrato acaba agora em junho. A partir de junho, estarei livre no mercado. Eu nasci em Pelotas, sou xavante, mas a minha família inteira é colorada, e eu também tenho o maior carinho pelo clube. Jogar no Inter seria a realização de um sonho. O Melo me disse que não tinha sido daquela vez, mas que aquele namoro ainda iria acabar em casamento. Vamos ver o que o futuro aguarda para a gente".

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis

O atleta foi revelado pelo Juventude e teve passagens por times como Cruzeiro e Athletico Paranaense antes de desembarcar na Europa para defender a Fiorentina. Na Itália desde 2011, foi campeão do Campeonato Italiano e da Copa da Itália quando defendia a Juventus. 

 
Rodinei afirma que Gre-Nal é o maior clássico que ele já disputou
Comentários