Futebol Brasileiro

FPF divulga protocolos de segurança para a volta do Campeonato Paulista

Documento emitido pela FPF explica que acesso aos estádios será limitada a pouco menos de 200 pessoas 

Avatar del

Por Raul Moura e Carlos Eduardo Alves

FPF se prepara para a volta do futebol em São Paulo(Divulgação/FPF)

FPF se prepara para a volta do futebol em São Paulo | Divulgação/FPF

A Federação Paulista de Futebol (FPF) se prepara para o retorno do futebol no Estado de São Paulo. Nesta terça-feira (07), a entidade preparou um documento explicando como será o protocolo de segurança na retomada do Paulistão.

O Esporte Interativo teve acesso ao documento e, abaixo, separa os principais pontos contemplados.

ACESSO RESTRITO AOS ESTÁDIOS

Todos os estádios serão divididos em três zonas (azul, amarela e vermelha) e terão um efetivo de 193 pessoas por jogo.

A zona azul contempla áreas como vestiários, túneis de acesso e campo e terá efetivo máximo de 101 pessoas, incluindo atletas, comissões técnicas, equipe de arbitragem, enfermeiros e etc. A zona vermelha envolve áreas operacionais do estádio e terá, no máximo, 65 pessoas. Por fim, a zona amarela envolve áreas externas e de imprensa, com contingente máximo de 27 pessoas.

O acesso ao estádio também será totalmente segmentado. A entrada será realizada em três portões. O primeiro será para as delegações e equipe de arbitragem. O segundo para profissionais de imprensa cadastrados. O terceiro contempla todos os demais profissionais.

TESTAGEM E SEGURANÇA DOS ENVOLVIDOS

A fase de preparação para as partidas contará com testagem de todos os envolvidos na partida (definidos até 48h antes do confronto). Caso algum profissional teste positivo para o novo coronavírus, será afastado e todos que tiveram contato direto por pelo menos 5 minutos serão reavaliados.

O uso de máscaras será obrigatório a todo instante, com exceção da partida. Além disso, em todas as zonas dos estádios vão ser colocados dispensadores de álcool em gel e cartazes com informações sobre higiene pessoal e prevenções em relação à Covid-19.

LOGÍSTICA NAS PARTIDAS

A logística das equipes deverá ser alterada de acordo com o novo protocolo. Respeitando o distanciamento, equipes podem utilizar mais de um transporte para os jogadores. A chegada dos times não poderá ser simultânea. O mandante da partida entrará primeiro no estádio, enquanto o visitante entrará depois, respeitando um período adequado de tempo. Os reservas e comissão técnica das equipes devem utilizar as primeiras fileiras das arquibancadas para evitar aglomerações no banco de reservas e respeitar o distanciamento. 

A entrada em campo seguirá o mesmo protocolo, com exceção da realização do tradicional aperto de mãos entre capitães, que não acontecerá mais. Também fica proibida a costumeira troca de camisas entre os jogadores no intervalo ou término das partidas. Além disso, no intervalo, todos os atletas devem realizar uma troca completa do uniforme.

A saída do estádio também sofrerá alterações. Enquanto aguardam a saída do estádio, os atletas deverão ficar em local ao ar livre e só ir ao transporte quando todos estiverem prontos para a saída do local de jogo.

 
Feldman revela que Brasileirão pode invadir Natal e até 2021
Comentários