Futebol Brasileiro

Felipe Melo diz que pressão maior por Palmeiras conquistar a Libertadores só 'com tiro'

O volante Felipe Melo também foi perguntado sobre a possibilidade de atuar como zagueiro, fato levantado pelo novo técnico do Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Felipe Melo disse que elenco entende obsessão da torcida do Palmeiras com a Libertadores(Cesar Greco / Ag. Palmeiras)

Felipe Melo disse que elenco entende obsessão da torcida do Palmeiras com a Libertadores | Cesar Greco / Ag. Palmeiras

O volante Felipe Melo não acha que a pressão para que o Palmeiras ganhe a Libertadores da América em 2020 esteja maior. Segundo o atleta, o clima só estaria ainda mais pesado caso estivessem "dando tiro" nos atletas.

"Se tem pressão maior, só dando tiro na gente, amigo. Mais pressão do que a gente tem todo ano para ganhar a Libertadores... Não existe mais pressão, não importa. A gente sabe aqui que é obsessão. A palavra já diz tudo: obsessão", afirmou o volante.

Felipe Melo também falou sobre a possibilidade de atuar como zagueiro. Vanderlei Luxemburgo, novo técnico do Verdão, levantou o debate sobre o posicionamento do atleta, que se mostrou aberto.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

"Jogador de futebol tem a missão de entender que ele deve jogar em outras posições quando necessário. Joguei em outras posições, na frente, atrás, de meia-atacante, inclusive de atacante, já joguei de zagueiro. Me coloco à disposição para poder ajudar. Quando cheguei ao Palmeiras, disse que meu objetivo era ajudar a conquistar títulos. O treinador já conversou comigo, expôs tudo que ele pensa. Enfim, eu me coloco à disposição para ajudar", garantiu.

Comentários