Futebol Brasileiro

Fellipe Bastos revela conversas com Dedé e fala sobre possível volta do zagueiro ao Vasco

Os dois conquistaram a Copa do Brasil pelo Vasco em 2011 

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Fellipe Bastos renovou seu contrato com o Vasco no início de 2020(Foto: Thiago Ribeiro/AGIF)

Fellipe Bastos renovou seu contrato com o Vasco no início de 2020 | Foto: Thiago Ribeiro/AGIF

A amizade entre Fellipe Bastos e Dedé não é novidade para nenhum torcedor. Companheiros no Vasco na época do inesquecível título da Copa do Brasil em 2011, os dois mantém até hoje a amizade que começou nos corredores de São Januários quando ainda eram bem jovens. Durante entrevista ao Fora de Jogo desta terça-feira (21), o jogador do Vasco revelou como têm sido seus últimos contatos com o zagueiro e até sobre uma possível volta para o clube da Colina. 

"Eu falo com ele quase que diariamente. A gente conversa no WhatsApp, sábado falei muito com ele porque ele foi ver como tava a operação que ele tinha acabado de fazer e me deu boas notícias. Fui visitar assim que ele operou, fui dois dias seguidos fazer alegria dele lá, dar umas risadas, é um irmão que eu tenho. A gente cresceu junto dentro do Vasco, ele tinha 22 anos e eu tinha 20 então era molecagem que a gente fazia, eu lembro com muita alegria", revelou o jogador do Vasco.

Perguntado sobre como definiria seu ex-companheiro de clube, Fellipe Bastos foi direto ao usar o apelido conhecido de Dedé.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

"Mito em tudo, não só na bola. Um grande irmão que tenho na bola."

Sobre a dupla de zaga com Leandro Castan em uma possível volta de Dedé ao Vasco, Fellipe Bastos afirmou que os dois dariam "muito trabalho". Segundo ele, o zagueiro, que agora se recupera de uma cirurgia no joelho, pretende voltar aos gramados em alto nível.

"Nossa senhora, essa dupla é uma coisa... Primeiro ele tem que recuperar, mas é uma dupla que vai dar trabalho, vai dar muito trabalho. Eu converso isso (volta ao Vasco) com ele e ele fala - "Primeiro tenho que recuperar. Quando voltar a jogar futebol eu quero voltar no alto nivel que eu joguei" - Eu acredito muito nele, não foi a primeira vez que aconteceu isso com ele, acredito muito na recuperação dele", finalizou Fellipe Bastos. 


>
 
Comentários