Futebol Brasileiro

Flu é condenado a pagar R$16,8 milhões por dívidas de Sornoza e Orejuela

Caso estava com nos tribunais da Fifa desde o final do ano de 2017; Tricolor propôs parcelamento ao Independiente del Valle

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Orejuela em ação pelo Fluminense na temporada de 2017(Via Getty Images)

Orejuela em ação pelo Fluminense na temporada de 2017 | Via Getty Images

O Fluminense foi condenado pela Fifa por dívidas na compra dos equatorianos Sornoza e Orejuela, junto ao Independiente del Valle, em 2016. O montante é de R$ 16,8 milhões. A instituição carioca costurou um acordo com a equipe do Equador para parcelar o débito até o fim deste ano.

Conforme informação divulgada pelo site NetFlu, o descumprimento do decreto pode acarretar em punições pesadas, como impossibilidade de registrar jogadores e até perda de pontos. O caso estava nos tribunais da entidade máxima do futebol desde a reta final de 2017.

Sornoza teve bons momentos com a camisa do Fluminense / Via Getty Images

As condenações:

Sornoza (parcelas não pagas e o não repasse de valor referente à venda ao Corinthians):

Condenação 1: € 887,20 mil + € 50 mil + juros (Aproximadamente R$ 5,12 milhões + juros)
Prazo de 45 dias para o pagamento a contar a partir do dia 3 de março

Condenação 2: US$ 700 mil + US$ 35 mil + juros (aproximadamente R$ 3,73 milhões + juros)
Prazo de 30 dias para o pagamento a contar a partir do dia 5 de março

Orejuela (parcelas não pagas):

Condenação: US$ 1,5 milhão + US$ 75 mil + juros (aproximadamente R$ 8 milhões + juros)
Prazo de 30 dias para o pagamento, a contar a partir de 5 de março

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

 
QUE RESENHA! Nene explica apelido de Filó para Alê Oliveira

Comentários