Futebol Brasileiro

Ídolo do São Paulo, França revela que nunca foi procurado para encerrar carreira no clube

Atacante é o quinto maior artilheiro da história do São Paulo e gostaria de ter encerrado a carreira no Morumbi

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

França jogou no São Paulo entre 1996 e 2002(Renato Pizzutto/Placar)

França jogou no São Paulo entre 1996 e 2002 | Renato Pizzutto/Placar

Muitos ídolos que deixam seus clubes durante a carreira desejam retornar para encerrar as respectivas carreiras onde foram projetados para o futebol. Não foi diferente com França, atacante que atuou no São Paulo entre 1996 e 2002.

No entanto, França revelou em live no Instagram com Luis Fabiano que ficou chateado com a diretoria do São Paulo por nunca ter recebido uma proposta para retornar ao clube.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Infelizmente nunca me ligaram, nunca recebi uma ligação do São Paulo. Recebi do Flamengo, Cruzeiro, do Luxemburgo, quando assumiu o Palmeiras, e eu falei não. Podia ligar qualquer time do Brasil que eu não ia, só ia para o São Paulo. Eu tinha uma história lá dentro e não conseguiria jogar em outro time."

Foram 327 jogos com 182 gols marcados pelo São Paulo. França conquistou ainda uma Copa Conmebol, dois Campeonatos Paulistas e um Rio-São Paulo.

 
Autuori sobre momento 

Comentários