Futebol Brasileiro

Jogadores do Santos recusam corte de 50% no salário

Elenco e diretoria não entraram em acordo para cortes no salário

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Jogadores do Santos recusaram cortes de 50% no salário(Ivan Storti - Santos)

Jogadores do Santos recusaram cortes de 50% no salário | Ivan Storti - Santos

Durante a pandemia do novo coronavírus, os clubes vêm procurando alternativas para suprirem a falta de dinheiro entrando no caixa, seja por bilheteria ou patrocinador. Para isso, alguns clubes negociam cortes nos salários de atletas. No Santos, não foi diferente, mas os jogadores, a princípio, não aceitaram. A informação foi divulgada pelo 'UOL' e confirmada pela reportagem do Esporte Interativo.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

As negociações entre diretoria e jogadores seguem para que exista esse corte no salário a partir do mês de maio. Alguns clubes nacionais vêm descontando 25% do rendimento mensal de seus jogadores. 

Por mais que não tenham um acordo ainda, os jogadores do Santos entendem que a diminuição de seus salários ajudaria o Peixe a honrar compromissos com outros funcionários.

 
Yuri Alberto comenta sobre renovação com o Santos
Comentários