Futebol Brasileiro

Jorge Jesus diz que Fluminense jogou para não perder de muito

Treinador não foi questionado sobre o assédio do Benfica, em entrevista à Fla TV, e reconheceu que tricolores foram melhores na disputa de pênaltis

Avatar del

Por Redação Esporte Interativo

Jorge Jesus em ação pelo Flamengo (Alexandre Vidal/Flamengo)(Alexandre Vidal/Flamengo)

Jorge Jesus em ação pelo Flamengo (Alexandre Vidal/Flamengo) | Alexandre Vidal/Flamengo

Após a derrota para o Fluminense nos pênaltis, Jorge Jesus conversou com a reportagem da "Fla TV", na saída de campo. A entrevista foi mais curta que o normal e o Mister respondeu apenas duas perguntas, ambas sobre o confronto contra os tricolores. Na avaliação do treinador, o rival foi melhor nas penalidades e adotou uma postura conservadora nos 90 minutos para "não perder por muito".

"Não é loteria, não foi por sorte que o Fluminense ganhou. Foi melhor que nós nas penalidades. O Fluminense jogou para não perder, ou não para não perder por muito. Levou para as penalidades, que era aquilo que acreditou que era melhor e parabéns", disse o português.

Durante a rápida entrevista, Jorge Jesus não foi questionado em nenhum momento sobre as notícias envolvendo o interesse do Benfica e a possibilidade de despedida do Flamengo, após o fim do Campeonato Carioca. 

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Caso o Flamengo conquistasse o título estadual nesta quarta-feira (08), o elenco ganharia alguns dias de folga e o Mister planejava uma viagem para Portugal. Com a necessidade de disuputar mais duas partidas para definir o campeão carioca, a programação rubro-negra foi alterada. 

"Temos que fazer dois jogos contra o Fluminense, vamos fazer dois jogos contra o Fluminense. Com a mesma certeza e a mesma confiança que fizemos esse jogo", afirmou Jorge Jesus.

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro já confirmou as datas das duas finais: a primeira já neste domingo (12) e a segunda na próxima quarta-feira (15). Por ter somado maior número de pontos no geral, o Flamengo teve o direito de escolher o mando de campo na final e optou pelo segundo jogo.

 
Willian Arão sobre cobrança de faltas no Flamengo
Comentários