Futebol Brasileiro

Luxa sobre jovens titulares: 'Melhor do que um de 35 que não vai jogar p**** nenhuma'

Após virada por 3 a 1 sobre o Mirassol, em primeira partida no Allianz Parque, Luxemburgo não poupou elogios aos mais novos jogadores do elenco profissional

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Gabriel Veron foi titular na partida contra o Mirassol(Bruno Ulivieri/AGIF)

Gabriel Veron foi titular na partida contra o Mirassol | Bruno Ulivieri/AGIF

Neste domingo (16), o retorno ao Allianz Parque seria ainda melhor para o torcedor palmeirense: uma vitória de virada de 3 a 1 sobre o Mirassol, time que carrega um "fantasma" para o Palmeiras.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!
 

Ao decorrer do jogo, o técnico Vanderlei Luxemburgo escalou e, mais tarde, fez alterações ousadas. No final, o alviverde terminou a partida com a presença de alguns jogadores recém-chegados ao elenco profissional: Gabriel Veron, Patrick de Paula e Gabriel Menino (destes, só Menino não entrou como titular).

Para Luxemburgo, esta foi uma decisão correta, já que os jovens atletas podem apresentar muito mais futebol do que outros jogadores mais velhos e experientes.

Prefiro colocar um menino de 16 anos pra jogar bola do que colocar um de 35 que não vai jogar p**** nenhuma", disse.

Além disso, o treinador do Verdão não deixou de falar da importância em "cuidar" e saber quando colocar ou tirar: "É importante saber a hora de tirar, aquelas coisas que queimam, aí você coloca de novo. Eu coloquei o Gabriel, ele pegou o gostinho, todo mundo falou bem, aí tirei, coloquei o Patrick. É por aí que se lança menino", explicou.

Agora, o próximo confronto do Palmeiras é contra o Guarani, também no Allianz Parque, na quinta-feira (20), às 19h (de Brasília).

 
Comentários