Futebol Brasileiro

Luxemburgo rebate fala de Rodolfo Landim: 'Exemplo de quê?'

Em defesa da volta do futebol, o presidente Rodolfo Landim, do Flamengo, disse que o esporte deve ser exemplo de segurança; Vanderlei Luxemburgo rebate

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Luxemburgo não acredita que futebol deve voltar agora(Daniel Vorley/AGIF)

Luxemburgo não acredita que futebol deve voltar agora | Daniel Vorley/AGIF

Enquanto o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, acredita que o futebol brasileiro tem que voltar para que seja um exemplo de como seguir as regras de segurança para diminuir o risco de contágio do novo coronavírus, o técnico do Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo, declara o contrário.

Em entrevista à 'Rádio Bandeirantes' no último sábado (30), o comandante alviverde discordou da fala do mandatário rubro-negro, relembrando que os casos da doença no Brasil ainda não pararam de aumentar, tendo um grande número de vítimas por dia.

As pessoas estão forçando uma situação para o futebol servir de exemplo. Exemplo de quê? Estão morrendo mil e poucas pessoas por dia, vai servir de exemplo de quê? De nada. Tem que servir exemplo de coisa positiva. Não pode ter privilégios para A, B ou C. De voltar no Sul, mas não voltar em Norte, Nordeste, Sudeste... Ou é para todos ou não é para todos, porque todos teremos prejuízo", declarou.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Luxemburgo, inclusive, chegou a dizer que acredita que 80% da população brasileira será contaminada, e acha que jogadores do elenco do Palmeiras podem sim ter contraído a Covid-19 de forma assintomática. "Quando voltarmos, com 100% de certeza, muitos serão contaminados. E como vamos fazer?", questionou.

No Rio de Janeiro, todos os clubes querem o retorno mais rápido do futebol, com exceção de Botafogo e Fluminense. Já na capital paulista, Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo só voltarão com a autorização do Governo.

Independente de quando houver o retorno oficial das atividades, Luxa afirma que o time do Verdão está preparado, com planejamento e com distanciamento social necessário.

Mas precisamos da ordem, e não vejo por que antecipar essa volta. Se o presidente decidir a volta e todos decidirmos que tem que voltar, vamos voltar, sem problema nenhum", finalizou. 

 
Luiz Adriano rasga elogios a Luxemburgo: 'Dá aula pra gente'
Comentários