Futebol Brasileiro

Miranda admite prioridade ao São Paulo em possível volta, mas ressalva: 'Depende de quem ganhar a eleição'

Em entrevista ao podcast 'Gringolândia', zagueiro de 36 anos afirmou que "está na hora de voltar" após dez anos no exterior

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Miranda vestiu a camisa da seleção brasileira(Getty Images)

Miranda vestiu a camisa da seleção brasileira | Getty Images

Negociando um retorno ao São Paulo em 2021, Miranda falou pela primeira vez, nesta quinta-feira (19), sobre a possibilidade. Em entrevista ao podcast 'Gringolândia', o zagueiro de 36 anos de idade afirmou que tudo se consumará dependendo de quem vença a eleição do time tricolor, marcada para a segunda quinzena de novembro e a segunda de dezembro.

"Fico feliz com o interesse dos torcedores. Recebi inúmeras mensagens, fico feliz com esse carinho. Mas o São Paulo está atravessando um ano de eleição também, vai depender muito de quem for eleito, de quem estiver no comando, se vai ter interesse na minha contratação", comentou o jogador, que atualmente joga pelo Jiangsu Suning, da China, com quem tem contrato válido até junho do ano que vem.

Segundo Miranda, este é o momento ideal de retornar ao seu país natal, de onde saiu em 2011 para brilhar por Atlético de Madrid e Inter de Milão, além da seleção brasileira - ele disputou a Copa do Mundo de 2018 e chegou a ser capitão com o técnico Tite.

"O momento é de retornar ao Brasil. São mais de 10 anos fora, meu pensamento é voltar, jogar no meu país, estar mais próximo de familiares, amigos. Vamos ver o que vai acontecer, quem vai estar no comando do São Paulo, se realmente vai ter interesse. Sempre deixei claro que minha prioridade num retorno é entre São Paulo e Coritiba, que foi onde me formei. São os dois clubes que tenho carinho muito grande, mas vai depender muito do projeto, se vou fazer parte disso. Vamos ver o que vai acontecer nos próximos meses", comentou o zagueiro.

De acordo com informações de Vitor Sérgio Rodrigues, comentarista do Esporte Interativo, a chegada do zagueiro ao São Paulo seria já na próxima janela de transferências, no começo de 2021. A negociação já está em andamento, porém não há uma previsão para um possível acerto.

 
Torcida do São Paulo faz festa na chegada do ônibus no Morumbi
Comentários