Futebol Brasileiro

Osvaldo minimiza redução de 10% dos salários e elogia presidente do Fortaleza

Jogador entende que a redução é necessária para ajudar os funcionários que recebem menos

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Osvaldo fala sobre redução de salários e elogia Marcelo Paz(Kely Pereira/AGIF)

Osvaldo fala sobre redução de salários e elogia Marcelo Paz | Kely Pereira/AGIF

Por conta da pandemia do novo coronavírus e da paralisação do futebol, as dificuldades financeiras começaram a ficar evidentes nos clubes. A medida adotada para combater esses problemas foi a redução de salários de jogadores e dirigentes. No Fortaleza não foi diferente.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Segundo o atacante Osvaldo, os jogadores aceitaram a condição e entraram em acordo para redução nos meses de março e abril, enquanto que os diretores do Fortaleza aceitaram o desconto salarial até que a situação seja normalizada.

"Quando foi citado lá na reunião com o presidente (Marcelo Paz) essa questão, acho que não teve ninguém, nenhum jogador que questionou, a gente realmente aceitou porque a gente sabe que hoje, 10% do nosso salário, para ajudar outras pessoas, acaba sendo nada. Então, a gente acabou abrindo mão disso para que os funcionários que ganham menos que a gente pudesse ter o seu sustento, cuidar dos seus familiares."

Osvaldo foi além e elogiou o presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, pela iniciativa e humildade:

"Então isso partiu muito do nosso grande presidente Marcelo Paz, é um cara que tem transformado o clube, é um cara também do coração gigantesco e a gente sempre tem aprendido com ele. É um cara que dá muito valor desde lá o porteiro àquele que cuida do campo. Um cara que realmente faz questão de parar e perguntar como está."

Confira outros trechos da entrevista:

 
Fernando Prass diz que não sabe 'se tem tamanho' para um jogo de despedida no Palmeiras
Comentários