Futebol Brasileiro

Pablo compara estilos de jogo de São Paulo e Flamengo e se derrete por Cavani

O atacante do São Paulo falou em entrevista à 'Band' que considera o Flamengo a equipe a ser batida no futebol brasileiro

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Pablo afirmou que seria fantástico ter Cavani como companheiro de ataque(Getty Images)

Pablo afirmou que seria fantástico ter Cavani como companheiro de ataque | Getty Images

Sem data para o retorno do futebol brasileiro, um confronto entre São Paulo e Flamengo ainda parece distante. Para o atacante Pablo, que espera que o Tricolor seja capaz de bater o atual campeão brasileiro e da Libertadores, os estilos de jogo das duas equipes são muito mais parecidos do que diferentes.

O Flamengo é o atual campeão brasileiro e da Libertadores, é a equipe a ser batida no Brasil, não tem dúvida. Manteve seu elenco, o Gabigol, que fez muitos gols, já começou o ano fazendo gol para caramba, Bruno Henrique, Arrascaeta, Diego... Enfim, é muito forte, com o estilo do Jorge Jesus, que eu vejo ser muito parecido com o Fernando Diniz em termos de querer ter a posse de bola, de marcar com a linha alta. São equipes muito parecidas em termos de jogo", afirmou.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

"É uma equipe que tem uma qualidade e um estilo de jogo, e se reforça muito bem. É uma equipe que manteve a base do ano passado, então, já está acostumada a jogar junto, e espero que a equipe do São Paulo vença o Flamengo, que é a equipe a ser batida, hoje, no futebol brasileiro, e isso não é surpresa para ninguém", disse Pablo.

 

O atacante também se derreteu por Cavani, do PSG. Após as declarações de que Lugano teria conversado com o uruguaio, além de Fernando Diniz ter afirmado que a chegada do jogador não é uma utopia.

"Óbvio, um jogador com a qualidade e história que tem o Cavani seria fantástico. Tive a oportunidade de jogar com o Diego Forlán no Japão e perguntava sempre do Cavani para ele, e ele fala que é um jogador excepcional, e sem sombra de dúvidas é. Se vier, iríamos ficar muito felizes, porque nos ajudaria de forma positiva. É óbvio que é algo que a diretoria tem que tomar as decisões, mas, com certeza, iria ficar muito feliz se ele viesse, aprenderia muito, ia ajudá-lo a fazer gols", garantiu.

 
EXCLUSIVO! Daniel Alves diz que São Paulo tem mesmos conceitos do futebol europeu e brigaria nas principais ligas
Comentários