Futebol Brasileiro

Presidente da AFA confirma cancelamento da temporada na Argentina

Chiqui Tapia disse que haverá acesso à primeira divisão e, em 2022, com 28 equipes, voltarão a ser decididos os rebaixados; vagas para Libertadores e Sul-Americana também foram definidas

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Chiqui Tapia, presidente da Associação de Futebol Argentina, a AFA(Getty Images)

Chiqui Tapia, presidente da Associação de Futebol Argentina, a AFA | Getty Images

Nesta segunda-feira (27), o presidente da Associação de Futebol Argentina (AFA), Chiqui Tapia, confirmou o cancelamento da temporada no futebol argentino. Em entrevista ao diário 'Olé', o mandatário antecipou uma informação que está para ser oficializada na próxima terça (28).

Vamos dar os torneios por finalizados.

No momento, era disputada a Copa Superliga - o Boca Juniors foi o campeão do Campeonato Argentino. A competição compõe pontos para a temporada e definiria, em uma tabela de classificação juntando a primeira fase da Copa Superliga e o Argentino, os times que seriam rebaixados e as vagas para as competições continentais.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis

Atualmente com 24 equipes, o Campeonato Argentino receberá acessos, ficando com 28 clubes. Apenas em 2022 os rebaixamentos voltarão a acontecer. Atualmente, Gimnasia La Plata, Patronato e Central Cordoba cairiam pelos "promedios", média de pontuação das três últimas temporadas, método utilizado na Argentina para definir os rebaixados.

Já pensando na Libertadores de 2021, Boca Juniors, River Plate, Racing e Argentinos Juniors estão garantidos na competição continental. Para a Sul-Americana, Vélez Sarsfield, San Lorenzo, Newell's Old Boys, Talleres, Defensa y Justicia e Lanús serão os representantes da Argentina.

Há, porém, uma vaga em aberto na Libertadores por conta da Copa da Argentina. A intenção da AFA é a de disputar a competição quando o futebol puder voltar a ser jogado, mas caso o torneio tenha de ser interrompido, a solução poderia ser a de dar a vaga para o Vélez, que iria para a Libertadores. Com isso, o Unión receberia a vaga para a Sul-Americana.

 
Walter Feldman diz que futebol brasileiro não tem prazo para voltar
  • Novo coronavírus
  • Futebol argentino
  • AFA
Comentários