Futebol Brasileiro

Presidente da Chapecoense renuncia ao cargo

Plinio David De Nes Filho estava afastado desde agosto e entregou o cargo

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Plinio David presidiu a Chape entre 2017 e 2019(Divulgação/Chapecoense)

Plinio David presidiu a Chape entre 2017 e 2019 | Divulgação/Chapecoense

Plinio David De Nes Filho não é mais presidente da Chapecoense. Afastado desde agosto, o agora ex-mandatário renunciou ao cargo na noite da última quinta-feira (31).

O agora ex-presidente assumiu o comando da Chapecoense após a tragédia de 2016 que vitimou 71 pessoas - entre elas o então presidente do clube Sandro Pallaoro -  e foi reeleito para o cargo em 2018.

Em campo, a Chapeconese briga contra o rebaixamento. Atualmente, o Verdão do Oeste está na 19ª colocação na tabela, com 21 pontos - 11 a menos que o primeiro time fora do Z4, que é o Cruzeiro.

Comentários