Futebol Brasileiro

Presidente do Santos anuncia clube fechado e mostra preocupação financeira com coronavírus

José Carlos Peres esteve na reunião dos clubes na sede Federação Paulista de Futebol, que votou pela paralisação do torneio estadual

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

CT Rei Pelé estará fechado por tempo indeterminado(Ivan Storti/Santos FC)

CT Rei Pelé estará fechado por tempo indeterminado | Ivan Storti/Santos FC

O Santos será mais um clube a fechar as portas por tempo indeterminado por conta do surto do novo coronavírus. Quem garantiu isso foi o presidente José Carlos Peres, que explicou o motivo da decisão. 

"Clube será fechado, todo mundo vai pra casa. A preocupação é com trabalhador que vai pegar trem lotado. A gente tomou decisão para servir de exemplo para outras categorias pararem por determinado tempo. Temos responsabilidade, que é social também", comentou, em entrevista na sede da Federação Paulista de Futebol. 

"Há 100 anos, teve gripe espanhola que causou 50 milhões de pessoas morrendo. Tomamos decisão e que Deus nos ilumine", completou.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Na tarde desta segunda-feira (16), foi decidido, em reunião na FPF, que o Campeonato Paulista seria paralisado a partir de terça (17), também em caráter indeterminado. José Carlos Peres, aliás, se mostrou favorável à decisão, mas exprimiu preocupação em relação à saúde financeira do Santos.


"Prazo indeterminado, vamos avaliando a cada sete dias. É uma mensagem de responsabilidade de não sair (de casa). Mas isso custa dinheiro, tem preocupação financeira de pagar todo mundo. Sem receita vai ser difícil", disse.

 
Lance polêmico de Felipe Melo com Lucas Braga
Comentários