Futebol Brasileiro

Projeto de Lei busca possibilitar prisão de torcedores por brigas no estádio

PL 297/2020, criado por deputado do Pernambuco, tenta alterar lei atual, que dita o banimento por até cinco anos de estádios; ideia é punição com reclusão de três a seis anos 

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Ideia é alterar punição com banimento dos estádios para prisão de três a seis anos (Jotta de Mattos/AGIF)

Ideia é alterar punição com banimento dos estádios para prisão de três a seis anos  | Jotta de Mattos/AGIF

Um Projeto de Lei tramita em caráter de urgência na Câmara dos Deputados para possibilitar a prisão de torcedores em caso de brigas dentro e fora dos estádios no Brasil.

Criado por Felipe Carreras, do PSB-PE, o PL 297/2020 tenta alterar a lei atual, que dita o banimento por até cinco anos dos estádios, em caso de confusões. A ideia é possibilitar a punição com prisão de três a seis anos.

O documento ainda prega punição aos clubes que venham a patrocinar torcidas organizadas. Eles serão "solidariamente responsáveis pela reparação patrimonial", caso haja. Uma multa também será cobrada, tanto aos times como aos autores do crime.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

"O nosso projeto tem dois objetivos: o primeiro é deixar claro que briga de torcida deve ser tratado com crime passivo de pena de reclusão, e o segundo, que perseguir alguém ou grupo por se identificar com uma torcida a mesma pena", justifica Carreras, no documento enviado à Câmara.

"Não podemos aceitar mais isso. Propomos que o estatuto do torcedor seja aperfeiçoado e assuma que as torcidas organizadas são um problema que precisa ser combatido para que todo torcedor de bem, seja de uma torcida organizada ou não, possa ir para o estádio com sua família sem medo de violência", completa.

Se aprovado, o Projeto de Lei será levado para votação no Senado e, posteriormente, ao presidente, Jair Bolsonaro.

 
EXCLUSIVO: Felipe comemora bom resultado contra o Liverpool: 'A gente trabalha pela vitória'

Comentários