Futebol Brasileiro

Tiago Nunes declara mágoa com Petraglia ao deixar Athletico Paranaense

Tiago Nunes, técnico do Corinthians e ex-Athletico, declarou mágoa com Petraglia ao 'GloboEsporte.com' 

Avatar del

Por Redação do Esporte Interativo

Tiago Nunes deixou o Athletico Paranaense rumo ao Corinthians(Gabriel Machado/AGIF)

Tiago Nunes deixou o Athletico Paranaense rumo ao Corinthians | Gabriel Machado/AGIF

Tiago Nunes, técnico do Corinthians, passou por alguns incômodos na sua ida ao Alvinegro após o Athletico Paranaense, seu ex-clube, emitir nota oficial sobre sua saída.

Em entrevista ao 'GloboEsporte.com', o treinador revelou ter ficado chateado com a situação. "Criei um vínculo de amor com o Athletico, principalmente com o torcedor e muitos colaboradores. Tenho uma gratidão genuína, gratidão pelo torcedor que me colocou como treinador, e deixamos um legado muito bonito lá. Sempre fui verdadeiro com o clube nas minhas ações. Fiquei chateado com a nota que foi emitida, mas não esperava nada diferente do presidente do Conselho, até porque é algo que já é histórico", declarou em referência a Mario Celso Petraglia.

A verdade é que Tiago Nunes não deixou o clube da maneira como planejou. Sem acordo para renovação de contrato, o técnico foi impedido por Petraglia de terminar o Brasileirão no comando da equipe paranaense.

Sabe tudo de futebol e quer provar que é um dos maiores torcedores do seu time? Clique aqui e baixe agora o Fanáticos! É grátis!

Quando cheguei ao Athletico, o presidente era xingado pelo torcedor em todos os momentos do jogo, inclusive eu publicamente algumas vezes fui defendê-lo e pedir que o torcedor não fizesse isso. O tempo passou, a gente conquistou, mudou o time daquela situação incômoda, e como já aconteceu com outras pessoas que lá estiveram, sempre que você diz "não" ao presidente, você acaba saindo como o anti-herói. Independente de qualquer coisa, sou muito grato ao torcedor", destacou.

No Furacão, Tiago foi campeão estadual, além das Copas Sul-Americana, Suruga e Copa do Brasil. Agora, seu novo desafio é no Corinthians, com contrato até dezembro de 2020.

 
Comentários